Presidente da ASPOL destaca ações da Polícia Civil na repressão qualificada ao tráfico de drogas na Paraíba

Presidente da ASPOL destaca ações da Polícia Civil na repressão qualificada ao tráfico de drogas na Paraíba

A Associação dos Policiais Civis de Carreira da Paraíba - ASPOL parabenizou os policias civis das cidades de João Pessoa e Cajazeiras pelo êxito das operações deflagradas nesta quinta-feira, 24, que resultaram na apreensão de 28 quilos de drogas, armas de fogo e a prisão de três envolvidos.

A Presidente da ASPOL, Suana Melo, ressaltou o empenho dos policiais civis em toda a Paraíba. “Esses bons resultados estão ocorrendo em várias operações pelo estado, demonstrando o preparo dos nossos profissionais em realizar investigações criminais sérias e profundas. Todos os policiais estão de parabéns”, disse.

“Só neste ano, houve várias apreensões de substâncias entorpecentes, armas de fogo, munições, prisões de pessoas investigadas pelo suposto envolvimento com atividades criminosas, deixando clara a grande competência dos policiais paraibanos", lembrou a presidente.

Suana lembrou o trabalho sério que vem sendo realizado por policiais comprometidos com a atividade policial. “Para a realização dessas apreensões e prisões, há um trabalho sigiloso que é característico da atividade policial, requerendo perícia no exercício do trabalho, honestidade, legalidade, compromisso com o Estado e com a sociedade em promover uma segurança pública eficiente e de qualidade", finalizou.

A ação em João Pessoa, que resultou na apreensão de quase 20 quilos de “crack” e na prisão de dois indivíduos, foi realizada pelo Grupo de Operações Especiais. Já na cidade de Cajazeiras, o trabalho foi desenvolvido pelo Grupo Tático Especial que prendeu uma mulher e apreendeu 8 quilos de cocaína e 400 gramas de crack, além de duas pistolas, carregadores e munições.