ASPOL/PB realiza Assembleia Geral com participação de representantes de várias regiões do Estado

ASPOL/PB realiza Assembleia Geral com participação de representantes de várias regiões do Estado

A Associação dos Policiais Civis de Carreira da Paraíba – ASPOL/PB realizou, na noite desta terça-feira (08), a Assembleia Geral da categoria para apresentar propostas de avanço salarial, discutir os procedimentos de trabalho nas unidades policiais e realizar alterações estatutárias. Associados de várias regiões do estado, a exemplo de Picuí, Itabaiana, Patos, Soledade, Monteiro, Campina Grande, entre outras, participaram do evento.

A Assembleia foi um momento para falar do trabalho que a ASPOL/PB vem realizando como uma das maiores associações representativas do Estado, das mudanças e avanços da categoria como um processo de construção para um futuro melhor e a construção do caminho da Associação para efetivação das conquistas.

A presidente da ASPOL/PB, Suana Melo, falou das iniciativas da atual gestão para conseguir espaços e ampliar relações com entidades e instituições. A diretoria tem sensibilizado os deputados quanto aos pleitos da categoria investigativa e conseguido reuniões para apresentar propostas. Além disso, tem realizado intervenção nas transferências imotivadas de vários policiais, feito atos de protestos contra casos de assédio moral nas delegacias e solicitações de Promoções por Bravura.

“Atingimos muitas metas, conseguimos agilizar o edital de promoções, a publicação de chefias de cartório, comissário e chefia de investigação, trabalhando na busca por ajustar os valores das gratificações, frente às perdas inflacionárias que chegam a quase 60%, fora as inúmeras campanhas de valorização da categoria investigativa e de apoio através de outdoors, e outras mídias, em busca de mostrar à população que uma das melhores Polícias,  infelizmente recebe o pior salários do país", destacou.

Suana também falou dos desafios da Associação na busca de acabar com algumas situações de desrespeito a classe, quanto à administração, e discutiu a reforma estatutária, as alterações e inclusão de itens que destacam a participação ativa dos associados e o fortalecimento das ações da Associação.
 
“Tivemos um momento importante, com a participação de colegas das seccionais de várias regiões do estado e podemos discutir sobre questões e propostas para melhorias futuras da nossa categoria. Esperamos que os investigadores criminais se unam e possam ir à luta pelas garantias que são de direito de todos”, finalizou Suana.